Se você trabalha com documentos no formato MS-Office, tais como Word, Excel e PowerPoint, e possui um volume muito elevado de arquivos, recomendamos que faça uso do Google Drive de forma bastante criteriosa. Para isso, reunimos algumas dicas para que você possa usufruir dos recursos de sincronismo de arquivos do Google Drive. Segue a relação:

. estruturar sua hierarquia de pastas para que ela contemple, no máximo, 3 níveis

. separar os arquivos entre aqueles mais utilizados e menos utilizados e colocá-los em pastas separadas

. as configurações para permitir ou proibir o download, cópia e impressão de arquivos são feitas somente documento a documento

. as permissões de acesso aos arquivos também são definidas documento a documento; ao movimentá-los para pastas em que o acesso de um usuário não tenha sido adicionado, os arquivos não irão herdar essa permissão